Whatsapp pretende processar quem enviar mensagens em massa pelo app

A rede social comandada pelo dono do Facebook, Mark Zuckerberg, anunciou nesta semana que vai processar aqueles que enviarem mensagens em massa ou utilizarem indevidamente o aplicativo com objetivos comerciais. A decisão veio para tentar contornar os problemas associados à plataforma sobre divulgação de fake news durante as eleições do ano passado.

De acordo com o texto divulgado pela própria ferramenta, o Whatsapp não foi projetado para enviar mensagens em massa, o que torna essa atitude uma violação dos seus termos de serviço.

Segundo consta no FAQ do app, a partir do dia 7 de dezembro de 2019, quem for pego fazendo uso indevido do aplicativo poderá sofrer com medidas legais tomadas pela empresa. E ninguém quer ser processado por uma multinacional bilionária, não é mesmo?

Link oficial com as informações divulgados pelo próprio WhatsApp.